14/09/2012

CONVOCATÓRIA !!!



imagem de Fátima Morgado tirada da net
*
CONVOCATÓRIA!!!
***
convoco todas as forças ocultas
as da natureza
as do cosmos e abismos da alma
que soprem ventos
que o mar se revolte e regenere
as entranhas da terra
que se solte o fogo e arda tudo
o que nas palavras
não gera no corpo uma emoção
de sustentar a vida
*

convoco as palavras interditadas
nos subterrâneos conflituosos
onde se movimenta a nossa consciência
os gestos absurdos
de falsos estrategas do pensamento
os versos de poemas
odes cantilenas de poetas inversos
para que se municiem
da transparência púdica insofismável
invadam suas almas de ternura
*
convoco as crianças inocentes
de sorrisos tão lindos
e as carentes de amor de olhar triste
para darem as mãos
e em cada mão uma flor d'esperança
a fazerem de adultos
galgando as barreiras dos tiranos
porque perderam o medo
ao verem-se ser tantas orgulhosas
à beira do abismo dos sonhos
*
convoco as consciências
livres pensadores envergonhados
os defensores da nação
não os patriotas ficam onde estão
que armados uns de sabedoria
outros de balas para todo tipo de canhão
reponham valores de origem
internem esta demência desvalida
dos agentes da desgraça
que não saciam sua fome de vingança
*
convoco os deserdados de viver
que acreditem nos valores da dignidade
se munam de toda a esperança
e da sua capacidade de até a morte vencer
agarrem  com o fervor da alma
a oportunidade de gerirem a sua sorte
entre escolhos de desumanidade
abandonados sem préstimo p'los "valentes" 
ergamos de novo a imagem
da nossa humanidade povo em construção
*
convoco todas as mulheres
mães amantes de toda a criatura humana
que a história condenou à servidão
para não se deixarem enganar na sedução
de serem mais lindas fantasiadas
do que inteiras a pensar um mundo justo
o tempo urge e num ventre de mulher
em gestação há uma ideia nova pronta a nascer
uma filosofia um conceito de vida
baseada no amor que é comum a toda a natureza
*
convoco os cobardes e os valentões
os vagabundos com e sem eira nem beiral
os que só agora sentiram
a devastação que se apropria de nossas vidas
os que acreditaram na mentira
de alma ferida mas validada pela esperança
para que não se deixem vergar
pela incompetência dos valores invertidos
unidos por memória à resistência
contra a ablação da dignidade humana
*
há uma nova via para a felicidade
em paz amor e harmonia de vidas responsáveis
as nossas crianças exigem-nos a coragem
de desmantelar todo o poder que se arroga mais valia
quer seja um acto tresloucado
que erradique esta nojice de gente avassalada
ao obscuro domínio dos interesses
ou um pensamento imarcescível que humanize
num volte face a corrente histórica
que nos prende à morte por um fio de vida

autor: jrg

2 comentários:

Fmaria Mesquita disse...

Gostei muito , sobretudo disto:
...o tempo urge e num ventre de mulher
em gestação há uma ideia nova pronta a nascer
uma filosofia um conceito de vida
baseada no amor que é comum a toda a natureza...

tem a palavra o povo disse...

Viva minha amiga Fmaria Mesquita...obrigado por me trazeres um tanto da tua alma nestas palavras de apreço ao meu poema...também são esses quatro versos os que mais me galvanizam a ideia...porque acredito num novo humanismo com a filosofia de visão feminina da vida...
beijinhos e um abraço fraterno com sorrisos dentro, do jrg