01/05/2011

SAUDAÇÃO AO ETERNO DEVIR !!!...


 foto tirada da net...

***

SAUDAÇÃO AO ETERNO DEVIR!!!

hoje quero ainda me lembrar
a força do ser na alma esperança
que incita o pensamento a entender
a urgência de nesta moratória acreditar
como flor que  espevita na bonança
abrir as pétalas para o sol  beber
da luz fertilizante a emanar

hoje trago ainda os sorrisos
que alimentam a auto-confiança
contra arautos de todas as desgraças
alguma argúcia e bom senso são precisos
a vida humana renasce numa criança
que enche com alegria as praças
ignorando todos os avisos

hoje vejo inda alma humana
se levantando sobre o genocídio
ilesa e repartida por toda natureza
tão feminina sobre a virilidade insana
ah que força a dela o novo desígnio
e como brilha a vida na  beleza
que de todo o ser vivo emana

hoje sinto o Verão escaldante
saindo da Primavera apetecida
normalizada na tempestade acesa
a luz que brilha é dum ser tão amante
duma nova ordem mais   evoluída
em valores e afectos tão  coesa
onde me ache a ser pensante

hoje as gerações ainda vivas
gritaram brados ao sistema planetário
içaram a bandeira da humanidade
cessaram as contendas ergueram o amor
criaram um sistema voluntário
que abriga obriga à paz à solidariedade
onde houver alguém que sinta dor

hoje digo aos sábios deserdados
na frontalidade da vasta sabedoria
só a vontade exalta e cria sólidas raízes
é um sinal do tempo fora e dentro da pessoa
uma palavra e gesto mas personalizados
que tragam amor talvez até poesia
e caibam no planeta dias felizes

hoje não há bota abaixo ruína
ódio rancor ou sequer maledicência
fez-se luz nas trevas da espécie humana
tantas vezes nos calaram sob manto neblina
outras tantas pelo temor da consciência
que vencemos o medo donde emana
esta força de amor via uterina

hoje acabamos com os exércitos
os impérios das drogas e financeiros
a cobiça de sermos os únicos na natureza
unidos em todas as gerações pelos seus méritos
o cérebro cresce evoluindo sendo pioneiros
da paz e do amor sem mais  tristeza
num mar de esperança eclécticos

hoje quero  exaltar a Lusitânia
a alma sábia que gravita no silêncio
a ser no mundo não a luz mas derradeira
consciência que sublima o homem miscelânea
este ser diferente que tanto amo e aprecio
o mar ao alto sem limite ou fronteira
bramindo pensamento e alegria

hoje erguidos sobre o desespero
não há lugar para lamurias no mural
há crianças famintas de saber e de afectos
há mulheres mães coragem que amam com esmero
na Ásia África Oceania América Portugal
somos a Europa país pequeno fulcral
na dimensão do planeta inteiro

autor:jrg



1 comentário:

Drisph disse...

OIE, AMIGO, ESTOU FELIZ; LANCEI HOJE, O MEU PRIMEIRO LIVRO, O SEGREDO DE EVA, UM DOSSIÊ DE POESIAS; GOSTARIA DE DIVULGÁ-LO PARA PESSOAS, QUE COMO EU, SÃO APAIXONADAS PELA LITERATURA. MEU BLOG http://drisph.blogspot.com/, ESTOU TE SEGUINDO.
ESTÁ DISPONÍVEL NESTE LINK, OU EM MEU SITE.
http://clubedeautores.com.br/book/43926--Os_segredos_de_Eva